Portal ApoNews

MENU
Logo
Quarta, 23 de junho de 2021
Publicidade
Publicidade

Ceará

Garis assaltados durante trabalho ganham moto e celulares comprados com vaquinha

Grupo foi assaltado quando limpava uma praça no Bairro Frei Damião, em Juazeiro do Norte.

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Uma vaquinha virtual arrecadou R$ 20 mil para comprar uma moto e aparelhos celulares que foram levados de garis, durante assalto, em Juazeiro do Norte, na Região do Cariri. Os garis foram assaltados enquanto faziam a limpeza da Praça Felipe Nery, na manhã de quarta-feira (11), no Bairro Frei Damião. O grupo recebeu os presentes na manhã desta quinta-feira (13)

Após ver uma matéria sobre o caso, a equipe do blog de entretenimento Sub Cariri decidiu organizar a vaquinha para ajudar os profissionais. A página no Instagram, que tem mais de 90 mil seguidores, conseguiu arrecadar R$ 20.382,66 em menos de 48 horas e comprar a moto, os celulares e cestas básicas que vão ser distribuídas aos trabalhadores. O gari que recebeu a moto tem antecedente criminal, mas cumpriu pena e já está quite com a Justiça.

Gari teve a moto levada por assaltantes durante o trabalho em Juazeiro do Norte. — Foto: Blog Sub Cariri/Arquivo Pessoal

Gari teve a moto levada por assaltantes durante o trabalho em Juazeiro do Norte. — Foto: Blog Sub Cariri/Arquivo Pessoal

"A gente sempre faz ações. Mas essa foi a primeira a tomar proporção. Estamos aqui agora fazendo a compra da moto", disse a fundadora do blog, que prefere não ter o nome divulgado.

A fundadora afirmou que, com o dinheiro que restar após a doação aos garis, vai organizar a compra de cestas básicas para pessoas carentes. "Ainda vamos organizar as cestas básicas . Estamos primeiro ajudando o pessoal que perdeu seus pertences", disse.

Crime e insegurança

Segundo relatos de um dos garis, eles realizavam a limpeza da praça. Por volta do meio dia houve a pausa para o almoço. Durante o descanso surgiu dois homens em uma moto e armados. "Apareceram dois caras com armas na mão com um revólver. Um deles apontou para gente. E mandou passar tudo. Pegou uma moto de um dos garis, um senhor e chutou as pernas da gente", relatou um dos garis.

De acordo com o gerente operacional da empresa, Louro Silva, a situação dos garis é muito difícil. Ele relata que os trabalhadores vivem na insegurança diariamente. "É uma situação bem delicada. Ficamos muitos tristes. Eu reuni os garis e fomos para a delegacia fazer um boletim de ocorrência para tentar recuperar os pertences deles".

A Polícia Militar afirmou que realiza buscas na região e que vai reforçar o efetivo policial na Praça Felipe Nery. Até a manhã desta quinta-feira ninguém foi preso.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e a sua fonte é g1.globo.com/ce

Créditos: As fotos e vídeos contidos nesta matéria é de inteira e total responsabilidade de Reprodução

Publicidade
Publicidade

Comentários: