Portal ApoNews

MENU
Logo
Sábado, 17 de abril de 2021
Publicidade
Publicidade

Mossoró

Médico prescreve medicamento com apresentação que não existe e paciente vai ter que esperar duas semanas

O paciente não conseguiu comprar o remédio e, consequentemente, iniciar o tratamento.

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Uma clínica da rede privada de saúde de Mossoró, que promete rapidez em seu atendimento, está envolvida em uma situação no mínimo contraditória. É que um médico prescreveu um medicamento errado para um paciente e o prazo dado pela clínica Amor Saúde para emissão de uma nova receita foi de duas semanas.

Após esperar horas por uma consulta com hora marcada, o paciente foi atendido na tarde de segunda-feira (08) pelo médico Eliezer Laurindo, que prescreveu alguns medicamentos e exames após avaliação de poucos minutos.

Ao chegar à farmácia, o paciente foi informado que a apresentação de um dos medicamentos prescritos não existe. O médico prescreveu um medicamento com dosagem de 50mg, mas no mercado só existe de 25mg e 100mg. O paciente não conseguiu comprar o remédio e, consequentemente, iniciar o tratamento.

Nesta terça-feira (09), o paciente voltou à clínica Amor Saúde para solicitar uma nova receita, com a apresentação correta do medicamento, só que foi informado que será preciso esperar até o dia 22 de fevereiro, quando o médico Eliezer Laurindo da Silva vai voltar a atender no local.

O paciente procurou a clínica particular e não o serviço público por ter pressa no atendimento. Mas vai ter que esperar por duas semanas para uma simples troca de receita, numa clínica que tem como slogan "Atendimento médico e odontológico rápido". Rápido mesmo só o tempo de consulta.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e a sua fonte é Magnos Kelly Domingos Alves

Créditos: As fotos e vídeos contidos nesta matéria é de inteira e total responsabilidade de Magnos Kelly Domingos Alves

Publicidade
Publicidade

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade