Portal ApoNews

MENU
Logo
Quarta, 23 de junho de 2021
Publicidade
Publicidade

Policia

Polícia prende segundo suspeito de envolvimento na morte de policial militar

Duas pistolas, entre elas a do PM, foram apreendidas em uma casa no Barroso.

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Agentes das forças de segurança do Ceará capturaram, no Bairro Parangaba, neste sábado (8), um homem de 28 anos suspeito de envolvimento no assassinato do policial militar Diego Oliveira Martins, 35 anos, no Bairro Papicu, em Fortaleza. O crime aconteceu na última sexta-feira (7).

O homem, que já possui passagem por porte ilegal de arma de fogo, é o segundo suspeito preso pela morte do agente. Horas após o crime, um jovem de 18 anos foi capturado. Na ocasião, dois veículos foram apreendidos.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, o homem preso na Parangaba foi conduzido para a sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), onde foi ouvido e autuado por latrocínio, tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo com numeração raspada.

Durante as buscas pelos criminosos, duas pistolas, sendo uma delas do PM morto, além de drogas e outros materiais que teriam sido utilizados no crime, foram apreendidos em um imóvel no Bairro Barroso.

As Polícias Civil e Militar seguem nas investigações. Mais detalhes serão repassados em momento oportuno, para não atrapalhar as investigações.

Crime

Diego Oliveira Martins, policial militar, assassinado em Fortaleza. — Foto: Reprodução

Diego Oliveira Martins, policial militar, assassinado em Fortaleza. — Foto: Reprodução

O soldado da PM Diego Oliveira Martins estagiava em uma obra próximo a um shopping quando três homens, vestidos com fardas da Polícia Civil, chegaram ao local e atiraram contra ele. O policial era estudante universitário e estava no local em razão do estágio.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSPDS), as Forças de Segurança do Estado prenderam o jovem poucas horas após o delito. Durante as investigações, cinco aparelhos celulares e dois veículos foram apreendidos. Ambos teriam sido utilizados na ação criminosa.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o (85) 3257-4807, do DHPP, que também é o WhatsApp do Departamento, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e a sua fonte é g1.globo.com/ce

Créditos: As fotos e vídeos contidos nesta matéria é de inteira e total responsabilidade de SSPDS/ Divulgação

Publicidade
Publicidade

Comentários: