Portal ApoNews

Notícias Paraíba

Serralheiro é assassinado quando realizava o conserto de uma porta, em Campina Grande

Vítima morreu antes mesmo da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao local. Ninguém foi preso.

Serralheiro é assassinado quando realizava o conserto de uma porta, em Campina Grande
Reprodução/TV Paraíba
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Um homem foi morto a tiros no início da tarde desta terça-feira (11), no bairro Ramadinha, na cidade de Campina Grande, na região do Agreste paraibano. Ramilsson Nóbrega dos Santos, de 38 anos, trabalhava como serralheiro e estava fazendo o conserto de uma porta, quando dois homens teriam chegado ao local e efetuado os disparos. A vítima morreu antes mesmo da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao local.

Conforme o delegado Francisco de Assis, da Polícia Civil, ainda não se sabe se os dois homens teriam chegado ao local de carro ou moto. A vítima foi atingida na cabeça e na região do tórax.

O pai de Ramilsson, Severino Ramos, disse em entrevista à TV Paraíba que o filho dele era um trabalhador. "Hoje era a folga dele e um menino da gangue marcha à ré foi atrás dele para ajeitar uma porta, mas aí deu azar", afirmou.

Ainda segundo a família, Ramilsson tinha passagem pela Polícia. Ele era bastante conhecido no bairro e muitas pessoas compareceram até o local do crime.

A Polícia Civil segue investigando o caso e pede ajuda da população, que pode realizar denúncias através do telefone 197. Buscas continuam sendo realizadas para encontrar os dois suspeitos, que seguem foragidos.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e a sua fonte é g1.globo.com/pb

Veja também